NAKED VLOGS! O QUE SÃO?

Para aqueles que andam mais distraídos e ainda não repararam, está a espalhar-se, uma nova tendência nudista na internet e chama-se Naked Vlog.

E em que consiste um Naked Vlog?

Pois bem, consiste em publicar um vlog (semelhante a um blog mas em vez de se usar palavras, grava-se um vídeo e fala-se sobre qualquer coisa) sem usar qualquer tipo de roupa.

“UAU COMO É QUE NUNCA PENSEI NISSO?”, perguntam os nudistas mais tradicionais, ainda pouco habituados a estas “coisas da internet”. Pois bem, não pensaram, (ou talvez até pensaram e deixaram que alguém fizesse por eles) apesar de não ser grande novidade, o “bicho” dos naked vlogs começou-se a espalhar no famoso site YouTube através do utilizador Chris3ff, que decidiu dar início à campanha “The Naked Vlog Campaign” onde basicamente a regra é gravar um naked vlog e desafiar outros utilizadores a fazer exactamente a mesma coisa através de “tags”. (pesquisem no Google, é para isso que ele serve)

Mas qual a razão desta campanha? Bem segundo Chris, esta campanha foi iniciada com a intenção de promover a ideia que toda a gente deve sentir-se confortável com o seu próprio corpo e ninguém deve ter qualquer tipo de vergonha do seu aspecto quando está nu (faz sentido).

Como era de esperar, ou talvez não, os mais tímidos perderam a timidez e fizeram exactamente a mesma coisa que Chris, tornando esta campanha “viral”.

Agora pergunto, será esta “moda” segura?

Existem cerca de 6.930.055.154 pessoas a usar a internet, pelo menos metade delas usam o YouTube como o seu site de eleição para upload de vídeos, não estará este tipo de atitudes a expor demasiado a vida privada de cada um?

Eu penso que não,isto pela simples razão que estas pessoas estão a fazer exactamente o mesmo que os outros vloggers fazem, mas sem roupa e isso não expõe a vida privada de cada um desde que existam limites. Um vlog serve para falar de um certo tema ou até de vários, ou até de nenhum, não se trata de um reality show.

Mas a parte mais complicada dos “Naked Vlogs” aparece quando se põe um problema que toda a gente (ou pelo menos alguma gente) julgava extinta há uns anos longos. Chama-se censura. Ao contrário do que muitos ainda pensam, a censura existe e está de boa saúde, pelo menos no YouTube (e também em mais alguns sítios) que é o serviço mais utlizado para os vlogs.

O YouTube, sendo um serviço que pertence ao grupo Google, está coberto por uma política de uso que proíbe a publicação de qualquer material que inclua (adivinhem…) nudez. Pois é! Não sabiam? Pois ficam a saber! Existem também os serviços Google Plus, YouTube, Picasa, Orkut e outros, (o Blogger é outra historia apesar de pertencer também à Google) que proíbem qualquer tipo de imagem ou video que contenha um ser humano como veio ao mundo.

“ENTÃO COMO É QUE SE FAZ UM NAKED VLOG?”

Bem, existem várias opções. A mais fácil, será fazer o upload do vlog para o YouTube, mas o mais certo será verem o vosso vídeo retirado dos servidores devido à sua política de uso. Contudo é possível contornar esta política, realizando os vlogs a nu mas sem mostrarem as chamadas “private parts”.

Ainda assim existem outras opções que produzem o resultado desejado.

O Dailymotion ou o Vimeo são duas opções gratuitas que apesar de também possuirem uma política de uso que terá que ser respeitada pelos utilizadores, esta não é tão “severa” como a do YouTube, existindo assim uma maior tolerância para os utilizadores nudistas.

Ainda que não seja gratuita, existe ainda a opção de criarem o vosso próprio website (ou blog) e terem os vossos vídeos directamente alojados num servidor. Apenas terão que se informar com a empresa que fornece o serviço se permitem que sejam alojados conteúdos que contenham nudez apesar de geralmente não existirem grandes complicações.

Posted in NUTICIAS.

David N

Sou o criador do blog reNUvar.

Encarando a nudez como forma de liberdade e de igualdade entre todos, criei o reNUvar como forma de dar a conhecer uma realidade diferente, livre de tabus e em comunhão com a Natureza.

Deixar uma resposta