As selfies, os hashtags e os pilinhos.

Toda a gente gosta de selfies.

Eu gosto de selfies. Não costumo fazer muitas, mas gosto. Não, também não sou nenhum detentor nem defensor dos paus de selfies. Ainda cegam uma pessoa com tal armamento.

Claro, todos nós já tiramos uma selfie ou outra com tudo ao léu. Eu já. Quando a ocasião é a mais propícia, porque não? É giro, e dá-me conteúdo aqui para o blog e tudo.

E para que são chamadas as selfies para aqui? Bem, a verdade não são as selfies em si mas conteúdo delas no que diz respeito à nudez e ao nudismo. Para ser o mais simples possível. Malta, tirar uma foto aos vossos pilinhos ou pipis não é ser nudista. Dificilmente será uma selfie e acima de tudo, na maioria das ocasiões, é parvo.

Vá, pesquisem. Façam uma busca pelas redes sociais (Twitter, Tumblr etc.…) e usem o hashtag #nudismo ou #naturismo. O que encontraram?  Selfies com pilinhos e pipis. É nudismo? É naturismo? Não. É parvo!

Nada contra fotos do próprio pilinho. Cada um fotografa aquilo que quer só não lhe chamem naturismo. Chamem-lhe qualquer coisa como, sei lá, #eueoaprumadinho ou #amigas4life. Dêm asas à vossa imaginação.

Bora lá malta. Chega de desrespeitar o estilo de vida nudista/naturista e os valores que ele defende e especialmente, fazer do naturismo algo que ele não é, nunca foi nem será.

E aqui entre nós ver um pilinho na vossa foto de perfil com o nome “Zé Nudista” é só parvo.

Tirem as vossas fotos nas alturas propícias, como o fazem quando estão vestidos. Afinal de contas, não passam o dia a tirar fotos à berguilha das calças.

Vão ver que não custa.

Divirtam-se!

 

 

Posted in CORPO E MENTE.

David N

Sou o criador do blog reNUvar.

Encarando a nudez como forma de liberdade e de igualdade entre todos, criei o reNUvar como forma de dar a conhecer uma realidade diferente, livre de tabus e em comunhão com a Natureza.